quinta-feira

Meu nome..ninguém tem...será eu, ninguém??

Outro dia, me dei conta de que não conheço nenhuma Walcléa. Nem no meu tempo de colégio, nunca tinha na minha classe. Nunca foi um nome popular como Andrea, Carla, Claudia, Rosana as campeãs absolutas de ocupação de espaço nas listas de chamada. Havia muitas Elianes também. E Márcias. Não sei onde foram parar aquelas colegas – Nenhuma xará! Não há nenhuma até hoje em minha volta.

Tornei-me uma Walcléa solitária. Uma única Walcléa.
As novelas de TV estão cheias de Helenas, Lúcias e Marinas . Walcléa que é bom, nadica de nada.

Em busca de uma Walcléa perdida, fiz uma pesquisa no Google, digitei apenas Walclea, assim mesmo, sem acento para ver quem aparecia...Sem nenhum sucesso na busca.
Meu nome não está com nada mesmo.

Parti para segunda inserção.
Vamos em frente: com acento, agora. Walcléa
Cheguei, então, ao site da prefeitura de.... . Meu Deus, onde fica isso? ....

O segundo da lista do Google nome foi uma surpresa: Eu também estou lá na pesquisa do Google.

Mas, peraí, como fui parar na internet?

Cliquei para ver o que acontecia.
O resultado foi esse blog, uma postagem que assinei meu nome.
Resultado foi frustrante.
Em outras palavras: meu nome é ninguém :/

2 comentários:

Anônimo disse...

.rss..
balzaquiana.
os nomes-exemplo te entregam...desculpe.
é a contemporaneidade.
bjs
cchmrs@hotmail.com

WG disse...

...contemporaneidade (risos)

 
Suave